quarta-feira, janeiro 20, 2010

...

Uma gaja tem um mini desgosto afectivo e imbuída do optimismo que a caracteriza tenta ver o lado bom da coisa. Pensa: fixolas, é desta que vou perder o apetite e, consequentemente, aquele quilinho que está ali a mais.

Só que o raio do apetite continuou igual, nem um diazinho de tristeza profunda sem conseguir meter nada à boca, nem um nózinho no estômago, nem uma horinha de depressão e falta de apetite. Nada.

Pelo menos também não me deu para o contrário e não me pus a chorar a ver a Bridget Jones e a enfardar chocolates como se não houvesse amanhã, enquanto abria o berreiro e inundava o quarto com lenços de papel ao som de All By Myself.

Já não se fazem desgostos de amor como antigamente.

20 comentários:

admirador secreto disse...

Não me parece que precises de perder algum quilinho que seja! :)

Beijiticos

Sonhadora disse...

lol...
Já não se fazem é amores como antigamente logo os desgostos não se assemelham em nada ;)

Carla disse...

Totalmente de acordo com o comentário da sonhadora...já estamos imbuidos do espirito descartável, não dá passa a outro, sem sequer percebermos disso, só mesmo quando passamos por isso. =)

Fuschia disse...

A vida amorosa da Bridget não lhe corria muito bem e ela também não era muito magrinha :p

kiss me disse...

Mas eu quando me dá para os desgostos perco completamente a fome. Tirando este caso, que continuei igual ao que já estava: permamentemente esfomeada :)

Carla disse...

É, suponho que a Sonhadora tenha razão... :/

Celinha 007 =) disse...

LOL ou então começamos a ficar imunes a eles! :P *

É mais por aqui! :D *

Anónimo disse...

desgostos de amizade, esses, sim, fazem-se à toa.

Anónimo disse...

:D just kidding

kiss me disse...

Maldaaade ;)

Recent visitors by location:
United States Boston, Massachusetts

Anónimo disse...

boston é só imigrantes tugas, I could be anyone

kiss me disse...

But you're not.

outro anónimo disse...

Acho que a resposta está na palavra que usaste: mini-desgosto

Bloom disse...

Não queiras um desgosto de amor que te tire a fome, que te tire a vontade de fazer o que quer que seja, que faça os teus dias parecerem anos de tristeza interminável. Não queiras mesmo.

Evinha disse...

..oh Ritinha ..também acho que o problema (ou não.. dependendo do ponto de vista;p) é ter sido um "mini-desgosto".. ..se fosse um grande desgosto ..assim daqueles que só nos apetece mudar de planeta, morrer, matar, gritar, etc etc ..e tudo tudo ao mesmo tempo ..se fores como eu ..perdias logo 3 a 5 quilinhos (mais não! ..que também não tínhamos onde os ir buscar;pp!) ..em 5 dias ..

..a mim já me aconteceu ..mais que uma vez ..mas das duas ou três vezes também o tamanho do desgosto foi sempre o mesmo.. assim 1.80m, dentes branquinhos, sorriso que me mata, e mais não digo ;p ..mais coisa menos coisa ..
beijinho bom pa menina!

P.S. ..de certeza que o teu "mini-desgosto" não estava à tua altura!!!

E. disse...

Agora ri-me com a do "All By Myself" porque ainda esta semana fui eu que me visualizei assim daqui a alguns anos... o que vale é que dias assim nao sao todos os dias
beijinho :)

Miss Kin disse...

Fazem fazem! Acho que é mudam-se os tempos e mudam-se as vontades aquando do desgosto, nunca tinha perdido a fome e o sono e desta última vez perdi, o que quer dizer que já houve mudanças por aqui...

Gosto... disse...

Pois...podia dar-te para pior de facto. Cortares os pulsos com uma folha de papel, por exemplo. HAHAHA

BEIJOOOOOOOO

Pedro Bom disse...

Sinal que o amor não era muito grande.... ou que estava desgastado!!

Talvez por mim disse...

O mini desgosto como lhe chamas-te não poderia ter grandes repercursões pois até ele é pequenino...E ainda bem assim.
Agora a verdade é só uma, estamos a ficar imunes!