quinta-feira, março 06, 2014

Pânicos

Talvez tenha puxado à minha mãe, que sempre que tocava a ambulância na terrinha me ligava a ver se eu estava bem, mas hoje em dia também eu quando ouço/vejo uma ambulância fico sempre em pânico que seja algo com os "meus".

Ontem vi uma ambulância em frente ao local de trabalho do meu homem, mandei-lhe um sms, ele não respondeu em 0,004 segundos e eu fiquei logo stressada. Quando ouvi o plim do telemóvel fiquei mais sossegada, mas não descansei enquanto também não confirmei com as minhas amigas que estava tudo bem com elas (os meus pais moram bem longe por isso seria muito improvável que fosse algo com eles).

Se já sou assim agora, quando tiver filhos vai ser bonito.

2 comentários:

Sara Rocha disse...

Também sou assim e não tenho filhos... Quando tiver vai ser bonito!

Karina sem acento disse...

Por acaso não sou muito assim. Não gosto é de estar a conduzir e de ouvir ambulâncias. Ponho-me logo a ver de onde vem e, quando vejo que vem na mesma direcção que eu, entro em pânico se não consigo desviar o carro.