terça-feira, fevereiro 18, 2014

É por isto que os casais discutem

Ou não, mas podia ser!

O meu homem tem a mania que eu estou dentro da cabeça dele. Isto por um lado é bom, ah e tal, és parte de mim, é como se eu e tu fôssemos um só e mimimi. 

Mas não, ele parte do princípio que eu sei o que ele está a pensar mesmo quando ele não diz nada e se isso funciona quando estamos na loja do cidadão e mentalmente gozamos com a senhora que está a atender, a coisa já não funciona tão bem na comunicação diária.

Hoje, a falar de Monty Python:

Ele: Havia um sketch que era a máquina que faz bing.
Eu:  Tenho de ver.
Ele: Era muito fixe, elesestavam no hospital... [imitando o sketch].
Eu: Eeheheh
Ele: Vou ver se estes gajos estão disponíveis.
Eu: Estes gajos quem? Os Monty Python? Acho que os espetáculos em que se vão reunir ete ano já esgotaram todos em poucos minutos.
Ele: Não, vou ver se o meu irmão está no Skype.
Eu: ????

E se isto não causa transtorno nenhum, a coisa não é bem assim em questões de "foste levantar a carta? Que carta? A carta, eu disse-te para ires levantar! Não, não disseste! Ok, na minha cabeça disse-te para ires buscar, se calhar não disse em voz alta. Pois".

3 comentários:

Mister Charmoso disse...

Ele pensa demasiado rápido

Inês Maria Rocha Gonçalves Moura de Sousa disse...

só ao ler este post é que percebi uma coisa espantosa. nos ultimos 15 anos eu não estava louca, o meu homem é não me dizia mesmo as coisas. Essa ultima cena da carta já experienciei centenas de vezes e de todas as vezes a conclusão era a mesma: Ele ficava a pensar que eu sou surda ou parav e eu ficava a pensar: bolas eu sei que não te ouvi dizer e não estou nem surda nem tola. Obrigada

barbaecabelo.net disse...

Mas é preciso dizer... Ai e tal, que somos duas metades num só, mas mesmo assim tenho de falar??