quarta-feira, dezembro 05, 2012

E já que estamos a falar de cabelo

Mulheres deste mundo (e alguns homens):

Quando vocês não têm tempo de lavar o cabelo de manhã (ou na noite anterior) e ele está assim, digamos, oleoso, não adianta de nada prendê-lo num rabo de cavalo, ok? O que vocês acham que está super bem disfarçado, não está. O que vocês acham que parece propositado, nós sabemos que não é. O que vocês tentam fazer acreditar que é gel, nós sabemos que é... sebo. 

Vou-vos contar um segredo, uma receita caseira que a minha mãe me ensinou para eliminar a gordura do cabelo, que já tinha sido ensinada à minha mãe pela minha avó, que já lhe havia sido ensinada pela minha bisavó, que já... ok, já perceberam. O truque parece complicado mas não é: quando o nosso cabelo não está no seu melhor, quando está mais oleosozinho, não há nada melhor do que... lavá-lo! Sim, eu sei, é uma revelação surpreendente, mas acreditem que resulta. É só misturar água, champô, água outra vez e já está. E não me venham com desculpas que isso demora tempo e depois chegam ao trabalho atrasadas e o camandro. Isto demora 5 minutos, nem é preciso secar. Acreditem, mais vale um cabelinho feio, seco ao natural (eu sei do que falo!) mas limpo e cheiroso, do que um cabelinho penteado mas sujo. E eu sei que lá fora estão 5ºC quando saem de casa de manhã mas o que é uma leve constipação comparada com o estigma de ser para sempre a oleosa lá da empresa?

É que se até a Helena Christensen fica mal....

11 comentários:

CM disse...

Credo Leninha...que susto, menina.

PS- o que escreves é tão verdade, que às vezes tenho dificuldade em sentar-me na mesma mesa que certas colegas à hora de almoço...até me cai mal a comida.

Maat disse...

poça, nem me fales em cabelo oleoso. lavo o cabelo todos os dias e ignoro completamente aquelas teorias de que faz mal, faz cair o cabelo, faz apodrecer a raiz, etc. o que faz mal é parecer que um são bernardo gigante nos lambeu a cabeça e nós não limpamos a baba.

kiss me disse...

Maat, eu faço exatamente o mesmo. Também não me interessa se faz mal (e o meu dermatologista já me disse que era mito) mas o meu cabelinho até pode ser muito rebelde e nem sempre estar no seu melhor, mas lá limpo está ele!!

Ana Cooks disse...

ahaha muito bom!!!

Luna disse...

Apesar de também ser grande defensora da lavagem frequente (lavo dia sim dia nao no inverno, todos os dias no verao), tenho um truque para emergências: shampo seco, ou à falta dele, pó de talco. Dá para aguentar aquele dia sem aspecto oleoso - mas aquele dia, não mais, que não há cá milagres. :)

verniz escarlate disse...

muito bom! não podia estar mais de acordo! bj

Teaser Flor disse...

Imagem de susto essa! :D

*

Anna Karenina disse...

Também já ouvi falar no velho truque do pó talco. Continuo a acreditar mais na água e no champô...

S* disse...

Ui, credo, se há coisa que não aguento é cabelo com aquele ar oleoso de quem não o lava há uns dias. Prefiro passar frio e andar de cabelo molhado a secar ao natural.

Anónimo disse...

'Ui, credo, se há coisa que não aguento é cabelo com aquele ar oleoso de quem não o lava há uns dias. Prefiro passar frio e andar de cabelo molhado a secar ao natural.'

Um resumo do teu post em duas frases. lol

O Sexo e a Idade disse...

Não sou cabeleireira e as únicas vezes em que tenho pena de o não ser é quando vejo uma dessas oleosas entrar no cabeleireiro e sentar na cadeira por não lhes poder perguntar "é para lavar ou mudar o óleo"!