segunda-feira, maio 04, 2009

Vá de metro, Satanás!

Num qualquer blogue, num qualquer texto sobre metrossexuais e metrossexualidade, um qualquer leitor interrogava-se do porquê de nós mulheres nos queixarmos dos metros. "O que é que têm afinal contra os metros?". A resposta é fácil, meu querido. Nada, nós não temos nada contra metrossexuais. Apenas não nos sentimos atraídas por eles! (e aviso já que que vou generalizar... claro que há quem goste de metros, mas também há quem goste de lutadores de sumo...)

A razão é novamente simples. Os metros são homens efeminados, que gostam muito de se arranjar, que conhecem marcas e usam muitos cremes e rapam os pelos e são muito preocupados com a imagem. E toda a gente sabe que estas são características femininas. Já o disse aqui, que nenhuma mulher gosta de um bronco, que passe a vida a beber cerveja, a ver futebol e a cheirar os próprios gases (até hoje ainda não percebi o porquê da obsessão masculina pela sua própria flatulência). Mas o que nos atrai num homem, a razão primordial, básica, primitiva mesmo, que faz com que uma mulher se sinta atraída por um homem, é precisamente isso, o facto de ser homem. Está na natureza da ser humano, como animal que é, sentir-se atraído pelo sexo oposto (já sei que há excepções mas não é disso que estamos a falar). Por essas savanas fora nunca se viu duas leoas no comilanço ou um elefante a galar a tromba do outro.

Ora, uma mulher deita-se com um homem, estende a perna debaixo dos lençóis e toca na perna dele, lisa e depilada, mais suave que a nossa. Alto lá, estou a dormir com uma gaja? Falta-nos aquela sensação de masculinidade (acreditem, eu sei do que falo), de que temos um homem ao nosso lado e não que estamos num episódio da L-Word. O mesmo serve para o tronco. Uns pelinhos no peito e no abdomen nunca fizeram mal a ninguém, a não ser que sejam uns autênticos homens-macaco, deixem-nos estar lá que estão muito bem, melhor uma quantidade de pelos do que pelos a crescerem depois da depilação. 

Mas há que não levar as coisas ao exagero. Uma mulher não se importa que um homem demore bastante tempo na casa de banho a arranjar-se, que use creme e seque o cabelo. E sim que tenha 5 diferentes tipos de creme, que saiba para que cada um deles serve e que não se consiga deitar sem esfoliar o rosto. Uma mulher não se importa que um homem goste de ficar moreno, que enrole os calções um bocadinho para cima na praia para queimar também as coxas. Importa-se, sim, que vá 3 vezes por semana ao solário. Uma mulher não se importa que um homem comente as nossas unhas e diga "adoro essa cor" ou "com a cor X é que ficavas sexy" e sim que um homem saiba os nomes e as marcas e todos os truques para os vernizes não secarem. Uma mulher não se importa que um homem goste de roupa e de andar bonito, e sim que ele olhe para uma camisa e saiba identificar que aquela peça é da colecção Armani ready-to-wear spring 2008. E, acima de tudo, uma mulher não se importa que um homem veja a Oprah e sim que veja o Dr. Phil.

Com isto espero que fique claro que o que as mulheres não gostam é de um homem que tenha perdido as suas características masculinas, que se assemelhe cada vez mais a si, porque se fosse para ficarmos com um semelhante, mais valia ficarmos logo com uma mulher, que essas ao menos não deixam a tampa da sanita levantada nem apertam a pasta de dentes pelo meio. Se as mulheres são de Vénus e os homens de Marte e ambos deixaram os seus planetas, era porque já estavam fartos dos venusianos e dos marcianos, respectivamente. E já que nos encontramos todos na Terra, mais vale desfrutar a diferença, não acham?

27 comentários:

Marta disse...

Adorei o post! Demais :)
Só não me importo nada que tirem os pêlos do peito, detesto lol

Rainha disse...

Muito bom post.
Também não me agradam particularmente os pêlos no peito, mas prefiro-os aos pêlos nas costas. Córróre!

R. disse...

Algures neste blog, tu afirmas que apertas o tubo da pasta dos dentes pelo meio. Não sei se ainda o fazes,mas...

Depois (não abona muito a nosso favor, eu sei), mas, até hoje conheci mais mulheres a deixarem a tampa da sanita levantada, do que homens. O que é que isso significará?

Eu próprio, às vezes, como lembrete da minha condição, tenho que me forçar a deixá-la levantada, só para fazer jus à reputação. Uma vez que se não o fizesse seria indubitavelmente catalogado de 'roto'.

Posto isto, isso da metrossexualidade deve ser alguma cabala montada pelo Major, após ter sido removido da presidência do dito cujo movimento. Get it? Movimento...metro... Não? Ok.

Pronto. Era só isto.

Aguardam-se posts longos e pertinentes, tipo este. Acho que trazem ao de cima o melhor da tua escrita.

Anónimo disse...

Escreves que é um mimo!
Tens que dar mais á tecla que os teus textos fazem muita falta Kiss...
Besoooo

Raquel

kiss me disse...

Raquel, estava muito ocupada a votar em ti ;)

Anónimo disse...

E fiquei sem cremes!!! hehehhehehehehe.
Muaaaa, tens um mail meu!

Raquel

Adivinha disse...

cara Kiss Me: qual é o mal em apertar a pasta dos dentes no meio? Vais dizer tb que te irrita quando deixamos a dita mesma sem a tampa?!? E quanto à tampa da sanita, ela fica levantada por uma questão de cortesia, para evitar "salpicos" ;)

kiss me disse...

LOL a mim não me incomoda nada que apertem a pasta pelo meio, eu própria o faço. Quanto à tampa da sanita, pessoalmente acho que o quarto de banho fica mais "arrumadinho" se a tampa estiver para baixo... mas nenhum dos dois casos me incomoda minimamente, so referi porque são duas coisas que incomodam a maioria das mulheres ;)

Bafejada pelas Musas disse...

Amei o post. Nada mais limpo e claro k isto.:D


Eu aperto a pasta de dentes pelo meio...hummmm:P

Adivinha disse...

Kiss me, pensei q o q mais vos incomodava era o lixo espalhado pela casa e não nos devidos recipientes e também os pêlos de fazer a barba deixados no lavatório :)

Bridge To Solace disse...

Ok, concordo com tudo, apenas acho que não são só as mulheres que se importam que o homem veja o Dr.Phil, qualquer pessoa, no bom interesse de todos, devia importar-se que homem ou mulher assistam a tal programa. rsrsr.

Tampa levantada, pasta pelo meio, pêlo aqui, pêlo ali..Não vivíamos um sem o outro :)

Nice blog BTW

Anónimo disse...

Brilhante.
Eu adoro homens com pelos, dá mesmo um friozinho na espinha quando passamos a mão por eles, mas gostos são gostos.
Agora o que não gosto nada é da tampa da sanita levantada.
É mesmo irritante.
Quanto a homens informados sobre beleza, realmente perdem a graça se souberem mais do que nós.
Adorei o artigo

scbmf disse...

"apertam a pasta de dentes pelo meio"... provavelmente a coisa mais irritante de todos os tempos!!!!!!!!

Miguel disse...

Cheirar os próprios gases????

Mas por onde andas????? E com quem te dás????


Há cada uma!

(mas está giro - e devia ser essa a ideia!)

tanya disse...

Não o podia ter dito de forma melhor!!!

Artequianos disse...

Sim, é verdade, estou aqui a publicitar a nossa peça intitulada: NU.

6as e sábados às 22h no Bar Novo da Faculdade de Letras de Lisboa. Reservas: 221 799 0530.

Porque gostamos de letras e de nos descobrirmos!

Saudações Teatrais! =D

Swadharma disse...

Eu sei o que as mulheres têm contra os metrossexuais. Não gostam de concorrencia!
Pelos... eu tiro os do peito, mas acho que não se deve dar tanta importância a isso... quem nao quer não tira e pronto.
Onde ninguem gosta de pelos é no cú... todos cagam para eles!
Up's... acho que é a primeira vez que venho a este blog e já disse merd... ahhhh, ja ía dizer outra vez =P

Melga disse...

Post fantástico...homem que é homem cheira a cavalo e a feno...não não é o homem é que estar com um metro numa cavalariça não se deve notar a diferença....
desculpa mas passso-me com as criquices dos metros...
as coisas tem que assumir-se como naturais ou então é a mesma coisa que que dizer que não há diferença entre um prato de arroz com uma ervilha e um prato de arroz com um pelinho...
ora bolas, é diferente ter do não ter...

tou passado não ligues...
Bjo****na boca************

João Trolha disse...

Metrossexuais? Vade retro, Satane!

tiago disse...

Grd parte do que foi escrito pode-se tornar verdade na perspectiva feminina....mas tb fost aos estremos da metrossexualidade......mas lá está os homens tb têm o direito de tratar do corpo.
muito bom.....muahhhhh

Evinha disse...

Ritinha ADOREI!!! ..sublinho tudinho! ..tens mesmo muita razão ..e como diz a tanya .."não o podia ter dito de melhor forma"!!

..aliás tu já sabias a minha opinião.. é só olhar para o meu Ricardo ..que se percebe logo que os metros não me atraem.. loll

"vá de metro, Satanás!" ...essa AMEI!:***

^^MaryJane* disse...

ahahahha! o que me ri..! Aí está, sem mais nada a acrescentar*

Salsicha disse...

Parabéns pelo teu Blog! Esclareço que o Metro da minha Salsicha nada tem a ver com a Metrosexualidade... Basta ires lá ao Blog www.salsichaametro.blogspot.com e confirmas que cheira a cavalo (lavadinho)!

Estrela de Cetim disse...

Vá... há que abrir as tes..

Homens também são gente LOL

*

Estrela de Cetim disse...

Vá... há que abrir as tes..

Homens também são gente LOL

*

Estrela de Cetim disse...

mentes*

princesa disse...

Olá, olá... Como eu te compreendo. Conheci recentemente um jeitoso muito querido, que qualidades não lhe faltam... Mas então! Fomos passear à praia e eu não queria acreditar quando vi que naquelas pernocas (musculadas, ainda por cima) não crescia nem um pelinho! Foi um turn-off completo!!! Depilação noutros sítios... até vai. preocupações estéticas e com roupa q.b. também! Mas sem pêlos nas pernas, não, por favor!!!