segunda-feira, abril 03, 2006

Namoros do ano 2006

Uma amiga minha outro dia contou-me que viu um casaco lindíssimo numa loja mas que não o podia comprar nesta altura do mês. O namorado, ao ver tal tristeza, ofereceu-se logo para lhe dar o casaco. Que querido! , pensam vocês... Mas o rapaz pediu algo em troca: dava-lhe o casaco se ela o deixasse sair sozinho às sextas-feiras. Fizeram um trato, ela aceitou e andam os dois felizes da vida, ela com o seu casaquinho de brilhantes e ele com os amigos à sexta à noite.

Agora eu pergunto-me: é a isto que os namoros de hoje se reduziram?!? É que se for eu não quero namorar....

24 comentários:

Maria João disse...

"Hummm... Será que o Fernando também quer sair às sextas com os amigos?" :) Por isso é que o mundo está meio perdido e a andar de lado como o caranguejo!!! A felicidade de alguém passa por ter um casaco novo? E pior que isso, aceitando uma chantagem? Meninas, há que mostrar que muitas de nós ainda temos amor próprio e valemos muiiiiito mais que isso ;)

kiss me disse...

Não peças nada ao Fernando tão cedo :P (estou a brincar, o Fernando dava-te o mundo sem pedir nada em troca).

Agora a sério, concordo plenamente contigo! Temos que nos valorizar, nem é o facto de deixar sair o namorado sozinho, porque numa relação não se proibe ninguém de estar com os amigos, é mais a cedência a chantagens... e o facto de haver esse tipo de chantagens em primeiro lugar. Enfim...

Anónimo disse...

Quando dou uma coisa a alguém, dou sem querer receber nada em troca a não ser um sorriso de alegria ou um brilho nos olhos... Sou mesmo nabo! Assim não vou longe estou a ver! Rita tens de me dar o contacto do namorado da tua amiga, parece que ele descobriu a resposta que durante séculos os Homens procuraram e nunca encontraram: "Como fazer uma mulher feliz até ela descobrir que casacos há muitos..." Bjs FCorreia

Turista disse...

É triste o facto do menino necessitar de oferecer algo para poder estar com os amigos.
Provavelmente a tua amiga não o deixava sair, não era?
Como isso pudesse evitar alguma coisa!?

kiss me disse...

Por acaso até não... ela até vai começar a trabalhar às sextas à noite, logo ele já estaria sozinho...

AnaNin disse...

Ela abdicou de estar com ele às sextas feiras por um casaco? E ele ta assim tão desesperado por sair sozinho que já paga para isso? É a primeira vez que ouço uma coisa dessas. Não sei quem teve o pior papel na história, se ele por sugerir uma coisa dessas, se ela por aceitar

Mak, o Mau disse...

É o capitalismo emocional. O lucro fácil sobrepõe-se à negociação sentimental mais difícil, mas que podia ser mais rentável...

paperspace disse...

podes crer ananin, venha o diabo e escolha...

Maria João disse...

Sinceramente acho bem pior a postura dela... ele pode ter dito isso de sair com os amigos mais numa de brincadeira... e até pode nem ter segundas intençoes... Agora, ela aceitar a troca e ainda por cima admiti-lo com naturalidade... tudo por um bem material tao efémero! É que estar com amigos vale muito mais que um casaco! Pelo menos ele nao foi tao superficial...

Turista disse...

E pelo menos o casaco valia alguma coisa?

kiss me disse...

Não vi..mas pela descrição (muito extravagante, muitos brilhantes)não faz muito o meu estilo. Mas gostos não se discutem!

Leididi disse...

Isso é muuuuitooo triste. Ao que uma pessoa chega, caramba.

Poirot disse...

E que tal pensarmos que estes dois meninos são o reflexo de uma sociedade de interesses? Nada disto aconteceria se fosse tido como normal tanto uma coisa, como outra. Ou seja, oferecer um presente e saídas com os amigos são duas coisas perfeitamente naturais numa relação cordial e sincera. Mas isto é apenas o que eu penso, não o que está certo...

sergonov disse...

Alguém aceita um casaquinho?
É que queria sair no próximo fim de semana, se poder ser claro!

kiss me disse...

Sergonov: eu deixo-te sair que eu sou boazinha (mas o próximo casaquito giro que eu vir aviso-te tá?) :)

Luisa Seabra disse...

o que está a dar é os amigos das quecas (desculpem a linguagem!)
Esses não dão nada além daquilo q sabemos e não pedem nada em troca (a não ser aquilo q sabemos...
é uma troca saudável!

gone disse...

Tens razão, é um pouco estranho... Dar para obter algo em troca soa-me um pouco a interesse...
Mas, infelizmente, o conceito de namoro para muitas pessoas, hoje em dia, é esse... "Gosto de estar contigo, mas não sempre, o que é que é preciso fazer para ter um pouco de paz?"

Um beijinho e desculpa a invasão :)

kiss me disse...

Invasão nada! Benvinda ao blog! E concordo plenamente contigo...

Guedes disse...

Pergunta do economista: estavam em época de saldos e o casaco era barato?

Pergunta do romântico: Amigos? Quem são esses?

nessy disse...

não queiras não.. casa-te logo e tens o assunto arrumado! :PPPP

Agora tentando ter uma análise mais séria (que isto é um blog SÉRIO! cor de rosa... mas SÉRIO! lol) como já foi tanta coisa dita eu concordo com:

""Maria João said...
Sinceramente acho bem pior a postura dela... ele pode ter dito isso de sair com os amigos mais numa de brincadeira...""

Estamos fora do contexto... só eles sabem como a conversa foi feita. Como começou e como acabou. O meu namorado já me ofereceu prendinhas (bem mais baratinhas é certo porque eu sou contra gastar dinheiro em coisas supérfluas e não gosto quando o gastam comigo... pancas...) mas ele já me ofereceu coisinhas que eu gostava e depois a brincar dizia "agora vais ter de me levar ao jogo da bola que tenho com os colegas amanhã de manhã! :P " (sim, pq ele AINDA não tem a carta... prefere ser conduzido a conduzir... grrr)

este comment já vai enorme.. desculpe Sra. administradora pela falta de educação ;)

Kissss

Pipas disse...

Engraçado,mas que namoro é esse?
Não é suposto nós estarmos sempre perto com a pessoa que amamos,mas este namorado á sexta feira prefere estar só do que com a namorada.
Será um namoro com futuro?
E Ela,prefere estar com o casaco do que com o namorado?
Assim sendo,onde está o amor?
Beijinhos.

Esteleve disse...

Sem querer ferir susceptibilidades, esta 'troca' parece-me unicamente influenciada pela sociedade de consumo em que vivemos...

Beijo,

Esteleve

NaLua disse...

Meninas como essas, que aceitam trocas dessas, precisam é de um PARZINHO DE CORNOS para dar com o casaquinho...

Depois queixam-se que lhes chamemos fúteis e um bocados putas.

Numa relação saudável não seria preciso um casaquinho para sair com os amigos. Numa relação saudável haveria sempre a justa medida de fidelidade e de confiança e todos poderiam fazer tudo...

Tão pateta é o que compra como a que se vende.

kiss me disse...

Concordo com muitas das coisas que foram ditas. Para mim, numa relação há troca, troca de afecto, de presentes, de tempo, trocas que nos fazem sentir que somos um pouco da outra pessoa e que a outra pessoa é um pouco de nós. Mas é uma troca natural e não imposta: dá-se presentes só pela felicidade que isso possa causar na outra pessoa e não se abdica dos amigos nem se pede à outra pessoa para abdicar dos seus.. enfim, gostei de saber que ainda há muita gente que pensa como eu!!!